Valores

A vaca leiteira. Poema de rugeles


O poesia de Manuel Felipe Rugeles Abrange uma grande variedade de pessoas de diferentes idades, embora também tenha espaço para crianças entre as suas obras. E é que a poesia é uma parte fundamental da aprendizagem das crianças.

No Guiainfantil nós escolhemos o poema de A vaca leiteira para que você possa ler com seus filhos e aprender a valorizar a poesia e como Rugeles captura a beleza da natureza em seus versos.

Luz da manhã e mansidão verde em todo o campo.

Deixe de lado a velha canção sobre os rebanhos lentos.

Oh, a vaca leiteira, tão manso, tão silencioso!

Como lambe o bezerro e como abana o rabo!

Barrigudo e com aqueles olhos claros que o céu retrata,

Oh, como ele vem do campo todas as tardes!

Oh, a vaca leiteira, com ambas as orelhas brancas

e uma estrelinha na testa!

Pele morena e manchas pretas!

Autor: Manuel Felipe Rugeles

Você pode ler mais artigos semelhantes a A vaca leiteira. Poema de rugeles, na categoria Poemas no site.


Vídeo: Vacas leiteiras características vaca leiteira como saber se a vaca é leiteira (Setembro 2021).