Valores

Decálogo para ser um bom pai


Ser pai é uma grande responsabilidade, significa cuidar do cuidado, educação e atenção do filho desde o momento do nascimento. Se ser pai é difícil, ser um bom pai é uma tarefa diária e constante que acarreta uma grande complicação.

Porém, se tivermos uma preocupação e um interesse diário em fazer o nosso melhor, teremos vencido metade da batalha, mesmo que em algum momento estejamos errados.

1- Estar presente na educação e no cuidado da criança desde o primeiro momento é fundamental. Você não precisa ter todo o tempo do mundo, mas precisa dedicar um tempo de qualidade, mesmo que seja pequeno.

2- Eduque com limites. Tão ruim é a educação permissiva onde o filho impõe sua vontade, como uma relação em que o pai exerce um autoritarismo excessivo. Todos os especialistas concordam que estabelecer limites na educação da criança é básico para lhe dar uma boa educação.

3- Dê à criança o ambiente mais adequado para ela crescer feliz e saudável. Os pais têm a responsabilidade de criar um ambiente onde seus filhos possam se desenvolver, crescer, descobrir, brincar e aprender.

4- Não use punições físicas nas crianças, ou gritos constantes na educação, pois longe de surtir o efeito desejado, só afeta a autoestima da criança e que seu comportamento futuro pode ser agressivo.

5- Eduque as crianças pelo exemplo. É fundamental que o pai exerça a paternidade dando exemplo e coerência na educação dos filhos com as próprias ações. Não podemos dizer a uma criança para ser paciente, quando a perdemos imediatamente.

6- Amar os filhos é essencial, mas ainda mais importante é informá-los. A criança deve estar ciente desse carinho e perceber aquele amor que seu pai sente por ela. Abraçar, beijar e expressar nosso amor é uma boa maneira de conseguir isso.

7- Desfrute de momentos de lazer com os filhos em que o pai possa aproveitar para se divertir, sorrir, curtir a natureza, praticar esportes juntos, assistir a um filme em família, passear no parque ...

8- Saiba que temos muito que ensinar aos nossos filhos, mas também podemos aprender com eles.

9- Ensine-os a distinguir o que é bom do que é mau, eduque-os nos valores e procure fazer deles pessoas boas.

10- Faça com que as crianças entendam que sempre podem contar conosco, que sabem que podem nos contar sobre seus medos ou preocupações. Em definitivo, fomentar a confiança e o diálogo na família.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Decálogo para ser um bom pai, na categoria Ser mães e pais no local.


Vídeo: O Bom Pai e O Bom Filho - Pregação Filipe Lancaster - NoStudio 2018 (Junho 2021).