Nutrição infantil

Quando a criança quer comer o tempo todo


Sempre que falamos de crianças com problemas alimentares, pensamos naquelas situações em que os pequenos não querem comer. Ao contrário, há outros casos em que as crianças parecem estar comendo o tempo todo e estão sempre com fome. Em nosso site nós dizemos a você O que fazer se seu filho tiver desejos por comida e fome constante.

As crianças nascem com um senso inato de quanto precisam comer. É normal que quando são bebês peçam mamas de vez em quando, pois não têm um horário regular de alimentação como os adultos. Outra razão pela qual a criança aumenta o tempo de tomada é que está passando por um estágio de crescimento. Esses períodos são chamados de "dias de frequência". E eles geralmente aparecem em 3 semanas, 6 semanas, 3 meses ou 6 meses.

O tempo extra gasto no peito garante os nutrientes para atender às suas necessidades durante essas fases. É possível que o aumento da ingestão seja devido ao aparecimento de uma doença. Amamentando com mais frequência, o bebê recebe mais anticorpos e imunidade durante o tempo de amamentação.

Além disso, pode haver outros motivos pelos quais aumente a frequência com que exigem mama de natureza psicológica, tais como: mudanças na vida familiar, como mudança de casa, período de férias, estando mais separada do que o normal do bebê.

Em geral, mudanças na rotina ou novas etapas em seu desenvolvimento podem ser a causa do aumento da demanda de seios para conforto.

Quando as crianças crescem e começam a exigir independência, é importante que se habituem aos horários regulares das refeições. o falta de rotina confunde os pequenose é provável que a criança coma sem parar porque, inconscientemente, não sabe a hora da próxima refeição, pois não tem esses horários.

É importante que a criança faça 5 refeições diárias, sendo elas: desjejum, meio da manhã, almoço, lanche e jantar. Dessa forma, seu estômago se acostuma e a comida é melhor digerida. Outra causa pode ser devido à ansiedade. É preciso ter em mente que a criança que come muito, o faz porque joga seu desejo com a comida.

- Não force a criança
Fazer as crianças comerem quando não querem não é uma boa ideia. Ensinar a criança a ignorar seus sinais de 'estar cheia' pode levar a problemas com a alimentação. Por exemplo, pense que se você forçar a criança a comer tudo o que você colocar no prato, ela não pedirá o lanche depois.

- Escolhas saudáveis
O percentual de gordura deve ser 30% menor que o total de calorias. Ofereça mais opções nutricionais regularmente.

- Ser assinado com os horários das refeições
Se a criança usa a frase 'Estou com fome', para atrasar as obrigações é preciso ser firme nos limites e regras impostos.

- Ouça e preste atenção à criança
Se ele usa comida por motivos psicológicos, provavelmente precisa de sua atenção.

- Quando é por ansiedade
Quando a criança quer comer o tempo todo, é provável que veja pais que tentam impedir a criança dizendo: 'não coma tanto, você está muito gordo'. Essa atitude pode criar mais ansiedade para a criança. Quanto mais ansiosa a criança está, mais ela deseja comer e isso se torna um ciclo vicioso. Portanto, é importante saber que isso vai doer mais e que você precisa de outras formas de lidar com o problema, como esportes. Começando com um caráter individual (se a criança tiver problemas de preparação física), e quando a condição física melhorar, passe para um esporte coletivo.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Quando a criança quer comer o tempo todo, na categoria Nutrição Infantil no Local.


Vídeo: 5 DICAS PARA SEU FILHO COMER MELHOR (Agosto 2021).