Bebês

Desmamando o bebê. Alimentação no sexto e sétimo mês


O término da amamentação e o processo de desmame é uma etapa muito importante na alimentação do bebê e traz inúmeras dúvidas aos pais. Segundo especialistas, até seis meses de idade não é recomendado introduzir uma dieta sólida devido à imaturidade do sistema digestivo da criança e aos benefícios do leite materno.

Ultrapassado esse limiar, dá-se início ao processo de desmame, combinando o leite materno ou a fórmula com os novos alimentos durante pelo menos dois anos, conforme preconiza o Organização Mundial de Saúde.

No sexto e sétimo mês a dieta será à base de leite, frutas, vegetais e cereais, enquanto a partir do oitavo mês você pode introduzir gradualmente carnes, peixes, legumes e ovos.

De acordo com os especialistas da Instituto Nacional de Pediatria do México (INP), é fundamental saber o tipo de alimento, a quantidade e a frequência com que deve ser dado, dependendo da idade do bebê.

No sexto mês do bebê, o desmame começa e o primeiro alimentos semi-sólidos. O INP recomenda testar cada novo produto isoladamente e em pequena quantidade para descartar intolerâncias ou alergias alimentares.

Os primeiros alimentos recomendados são vegetais e frutas, ricos em vitaminas e minerais, como cenoura, abóbora, banana ou maçã, sempre preparada em purês ou mingaus. A quantidade ficará entre uma e duas colheres de sopa uma ou duas vezes ao dia, melhor pela manhã, aumentando gradativamente a variedade e a quantidade com o passar do mês. Não se esqueça que a amamentação ou o leite em pó devem ser mantidos.

A partir de sétimo mês Durante a vida do bebê, cereais e alguns tubérculos podem começar a ser introduzidos na dieta, pois possuem grande aporte energético e vitamínico. Recomenda-se arroz, milho e batata, os primeiros podem ser misturados com leite ou em papinhas e purês.

Quanto ao valor, continua igual ao mês anterior, um ou dois pequenas colheres uma ou duas vezes por dia. Além disso, o tipo de frutas e vegetais pode ser aumentado, dependendo da estação.

Não se esqueça que nestes primeiros meses você deve ter paciência com o seu filho, principalmente quando ele rejeita alguma comida. Você pode misturar este produto com outros sabores ou texturas, e ainda aproveitar os alimentos sazonais, sempre frescos e naturais.

Fontes:

  • Who

Patricia Garcia. Contribuidor do nosso site

Você pode ler mais artigos semelhantes a Desmamando o bebê. Alimentação no sexto e sétimo mês, na categoria Bebês no local.


Vídeo: Série alimentação: Como preparar a papinha (Junho 2021).