Aprendendo

Exercícios para as crianças aprenderem a tabuada em casa


Uma das primeiras tarefas de aprendizagem que os mais pequenos têm que adquirir e integrar no seu estágio escolar no que diz respeito aos números são os Tabuadas de multiplicação, sendo muito importante e necessário como base para o início subsequente de operações de cálculo e problemas matemáticos. Naquela época, é comum e compreensível que muitos pais se perguntem: Como eles podem aprender tabuada de uma forma divertida? Temos a solução!

Em primeiro lugar, é importante quebrar os níveis de dificuldade Tabuadas de multiplicação, evitar que a tarefa fique muito longa e conseguindo animar os filhos aos poucos com o que eles já estão adquirindo. E não é a mesma coisa trabalhar a ordem natural das tabelas de 1 a 10, do que ordenar as tabelas em níveis de menor e maior dificuldade, como propomos na seguinte classificação:

Nível 1: tabelas 1 e 10
Nível 2: tabelas de 2, 4 e 5
Nível 3: tabelas de 3 e 6
Nível 4: tabelas de 7, 8 e 9

Uma vez que a ideia dos níveis seja elevada, será muito mais fácil para as crianças terem uma visão positiva do que já sabem e do que ainda precisam aprender.

Aqui propomos três formas divertidas de treinar, podendo escolher entre qualquer uma das opções, de acordo com as preferências e habilidades dos mais pequenos: audição (melodia, música e ritmo), motricidade (artesanato e movimentos) e / ou habilidades visuais (cores, formas e imagens).

Com as seguintes propostas, pais e filhos podem se divertir e aprender além da simples repetição e memorização oral de números:

- Brincando com as placas através de habilidades de escuta
Nesta primeira proposta podemos utilizar vídeos existentes com canções que ajudam a memorizar cada uma das tabelas com um ritmo ou canção. Mas muitas famílias podem achar muito mais divertido tentar criar uma música e melodia totalmente próprias e em equipe, podendo ser acompanhadas, em qualquer caso, por instrumentos (pandeiros, tambores, triângulos, sinos, etc.) ou simplesmente por as palmas das mãos.

- Brincando com as placas por meio de habilidades motoras
Nesta segunda proposta podemos utilizar materiais como plasticina, botões, bolas ou qualquer pequeno objeto que a criança prefira. Contar e agrupar cada combinação (2 x 5 = 10, até que entendam que isso significa repetir o número de 5 objetos duas vezes e finalmente contar esses 10 resultados). Não apenas usando um lápis e uma folha, mas oferecendo muitas outras variedades mais reais e tangíveis que irão favorecer a sua integração e compreensão da ideia de multiplicar ou juntar grupos de quantidades de objetos.

- Brincando nas mesas por meio de habilidades visuais
Nesta terceira e última proposta que lançamos, podemos utilizar cores e imagens de objetos para melhor visualizar as quantidades. A ideia é que as tabelas deixem de ser um simples estímulo de números em preto e branco e que as crianças possam lembrar melhor a que quantidades exatamente se referem. Podendo também colorir as tabelas de acordo com o que já sabemos de uma cor e as mais complicadas de outra cor.

Desde a Guiainfantil.com Recomendamos que você comece com uma proposta e que, uma vez que a criança a tenha feito, você apresente outras para que ela se divirta e fique mais nova.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Exercícios para as crianças aprenderem a tabuada em casa, na categoria Aprendizagem no local.


Vídeo: Tabuada de Adição ou Somar de 1 até 10 (Junho 2021).